Dor no Joelho durante a Corrida

Dor no Joelho durante a Corrida

Muitos pacientes que chegam em nossa clínica com dor no joelho têm esse questionamento. A maior parte dos corredores que reclama de dor no joelho para de correr com medo de que a prática seja a real culpada pelas dores apresentadas. Vamos realmente entender de onde podem vir estas dores!

Dor no Joelho durante a CorridaÀs vezes realmente ocorre uma sobrecarga de alguma estrutura do joelho por excesso de treino — o corredor geralmente acha que pode ir além do que estava definido na planilha. Estes casos podem ser passageiros: ao descansar, as dores diminuem ou desaparecem.

Alguns corredores iniciantes, por virem de outros esportes ou do sedentarismo, começam a sentir dores por desalinhamentos adquiridos por muitos anos. Isso cria padrões específicos, como no futebol, que usa muito deslocamentos de zigue-zague, gerando uma mecânica muito distinta da corrida de rua.

A consequência pode ser uma retração de músculos que na corrida deveriam ter um padrão diferente, o que acarreta em desalinhamento articular e sobrecarga. Um exemplo é a síndrome do trato iliotibial, uma dor lateral do joelho que se apresenta na forma de rigidez, e ocorre pelo atrito desta banda fibrosa nas estruturas laterais do membro.

Ficar sentado por muito tempo pode causar dor no joelho

Entretanto, o caso mais comum são corredores que passam o dia todo sentados, acumulando retrações e saem para treinar depois de um dia estressante de trabalho, ou ainda acordam com o corpo rígido e vão treinar logo cedo.

As retrações acumuladas depois de um dia de trabalho sentado são capazes de desalinhar o joelho, causando dores que podem aparecer ao subir uma escada ou durante a própria corrida.

É importante ressaltar que cada vez mais temos estudos mostrando que a rigidez gerada por se sentar é pior do que a de carregar peso. Em um estudo realizado na Austrália, os pesquisadores queriam provar que as mochilas das crianças estavam causando dores nas costas. Porém, a conclusão do estudo ficou clara que as crianças que iam de ônibus para a escola tinham mais dores nas costas do que as que iam caminhando com suas mochilas.

O fato é que a posição de 90 graus de joelhos sentado gera compressão da cartilagem da patela sobre o fêmur e encurtamentos em músculos de membros inferiores, o que por si só já é um motivo para desenvolvermos dores.

A recomendação: movimente-se mais durante o dia. Passe menos tempo sentado. Se possível, use o notebook em bancas para trabalhar um pouco de pé. Quando se sentar, movimente os joelhos o máximo possível, evitando ficar em uma única posição. Dessa forma, você estará evitando o acúmulo de retrações que podem lhe incomodar em um dos momentos mais prazerosos do seu dia – a corrida.

Fonte: Ativo

Agende sua Consulta

Artigo Escrito Por:

Claudio CotterCláudio Cotter Fisioterapeuta

CREFITO 30874-F

Instagram: @ccotter77

  • Graduado em Fisioterapia pela Universidade Cidade de São Paulo;
  • Pós Graduado em Medicina Psicossomática – Associação Brasileira de Medicina Psicossomática;
  • Especialista em RPG;
  • Formação no Método Busquet;
  • Formação no Método Força Dinâmica;
  • Fisioterapeuta-assistente da Confederação Brasileira Macabi;
  • Ex-Fisioterapeuta da Seleção Brasileira Feminina de Futebol (CBF);
  • Colunista do Portal Ativo.com